Nosso blog é a reunião de tudo que existe de melhor no mundo: amizade, amor, livros, séries, games e filmes. Bem vindo à Sociedade do Anel!

terça-feira, 22 de dezembro de 2015

Ori and the Blind Forest

E aew!
Terça de games no nosso blog novamente, e hoje eu venho falar pra vocês de um jogo independente que saiu este ano e foi muito bem aceito nas críticas: Ori and the Blind Forest.



Bom, o jogo desenvolvido pela Moon Studios e distribuido pela Microsoft Studios, Ori and the Blind Forest é um game de plataforma em 2.5D. O jogo responde bem aos comandos do jogador além de ter os gráficos e o ambiente muito bem desenhados.

Ori é um pequeno espírito guardião branco, uma criatura similar ao corpo. Ele tem uma cauda parecida com uma de gato, olhos azuis escuros, dua orelhas parecidas com chifres na cabeça e abaixo delas, tem mais um par de orelhas mais largas que incilnam quando Ori está triste ou fraco e seus pés são umaespécie de cascos brancos.
A personalidade de Ori varia com o jogador. Durante o prólogo, Ori demonstra uma personalidade muito parecida a uma criança, inocente e muito dependente de seu cuidador. Mas no decorrer do jogo Oridemonstra ser muito determinado, mesmodiante da própria morte. Ori nunca perde a esperança, além de ser muito tolerante e bondoso, querendo sempre ajudar aqueles que entraram na escuridão. O nome de Ori vem do hebraico e seu significado é Luz.

A história começa quando Ori cai de uma grande árvore espiritual e é gencontrado por outra criatura espiritual chamada Naru. Naru então passa a criar Ori como filho. Até que um dia, uma energia malígna ataca a floresta, acabando com a vida das criaturas que ali viviam e corrompendo aqueles que sobreviveram. Quem realiza este ataque é Kuro, uma grande coruja que odeia a luz e tenta de todas as formas impedir que Ori restabeleça a luz e a vida a floresta.

Naru esconde Ori em sua caverna e o protege até o dia em que ficam sem comida e Naru morre de fome. Ori agora deve procurar comida e continuar sua vida sozinho. Quando chega a floresta, descobre que é um espírito guardião e, encontra Sein, uma espécie de fada, e é a luz e os olhos da grande árvore espiritual e, avisa a Ori que ele é o único capaz de salvar a floresta.

Os inimigos a serem destruidos no decorrer do jogo sao criaturas da própria floresta, como aranhas, sapos, gafanhotos, etc. Estes quando derrotados deixam pequenos orbs que são usados por Ori para adquirir experiência, recuperar vida ou recuperar energia para seus golpes. Os golpes são desferidos por Sein, que gera pequenas chamas para destruir os inimigos. A cada novo nível de experiência de Ori, o jogador ganha um ponto de habilidade para melhorar os ataques de Sein ou outras habilidades de Ori.


O ambiente do jogo é bem imersivo, a trilha sonora encaixa certinho com o ambiente e a história. A direção de arte do game levou o prêmio da Game Awards deste ano. E pra quem acha que por ser uma game do gênero plataforma é um jogo fácil, não é, mas não é impossível XD.


Bom galera, este foi o post dessa semana, espero que tenham gostado.
E você, gostou do game? Deixe nos comentários o que achou deste belo game.
Até a próxima terça de games!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget